Adblock: Como e Por Que Usar o Bloqueador de Anúncios

Está cansado/a de navegar pela internet e encontrar dezenas e dezenas de propagandas, atrapalhando sua experiência nos websites? Pois bem, neste artigo eu vou apresentar para você os Adblocks, os bloqueadores de anúncio, que vão tornar sua navegação bem mais tranquila! Ah, e você também vai poder conferir uma opção GRATUITA!

O que é um Adblock?

O termo Adblock vem do inglês ad= anúncio e block= bloquear. Traduzindo ao pé da letra temos o termo “bloqueador de anúncio”. Pela internet, praticamente todo site ou vídeo que visitamos têm anúncios espalhados por eles, e muitas vezes de forma até abusiva chegando ao ponto de atrapalhar a nossa navegação.

Se você está perdido no assunto, calma. Provavelmente você já sabe do que eu estou falando, um anúncio é um tipo de propaganda de uma empresa de fora, que geralmente paga para veicular seu conteúdo em um outro site ou vídeo. Como um comercial de TV, ou um outdoor como os que vemos nas ruas.

Por exemplo, você está em um site lendo sobre computação, e então você vê uma propaganda de uma loja que oferece peças de computador para vender. Clicando nessa propaganda, você será direcionado para outro site, de onde poderá efetivamente fazer sua compra. Esse é um tipo de anúncio.

Ou então, você está no Youtube assistindo seu Produtor de Conteúdo preferido e então, no meio do vídeo surge uma propaganda de algum outro serviço (geralmente você pode pular as propagandas do Youtube em cinco segundos, mas as vezes não é possível), este é outro tipo de anúncio.

-- Publicidade --

Até aí, tudo bem, muitos sites utilizam a renda conquistada com os anúncios para sobreviverem e se manterem no ar. O problema está quando há tanta propaganda que você mal consegue encontrar o conteúdo propriamente dito do site. E isso acontece com muito mais frequência do que parece.

Então, é aí que surgem os salvadores do dia: os Adblocks. Como o nome sugere, ele bloqueia a aparição de anúncios, tornando a sua navegação mais limpa e pacífica. Soa muito bem, não?

O bloqueador de anúncios vem em forma de extensão, disponível para cada tipo de navegador, e podem ser gratuitos ou não.

Claro que os Adblocks não são 100% efetivos, as vezes um ou outro anúncio passa despercebido, mas você pode sim dizer adeus aquela coisa absurda de quatro, cinco mensagens brotarem na sua tela simplesmente ao tentar acessar um site.

Número de anúncios bloqueados no site youtube. Com | adblock
Mensagem do Adblock sobre o número de anúncios bloqueados na página

Por Que Usar um Adblock?

Mas, se alguns sites sobrevivem de anúncios, por que eu usaria um programa para bloqueá-los? Não seria errado?

-- Publicidade --

É aí que chega a melhor parte do Adblock: você pode pausá-lo quando quiser ou colocar determinadas páginas na chamada whitelist (tradução literal – lista branca), na qual os anúncios nesse site em específico serão permitidos, e você poderá ajudar os donos do site com sua receita. Eu vou te ensinar como fazer isso mais para frente então continue acompanhando o texto!

Por que, então, usar um Adblock? A resposta à primeira vista parece óbvia: para navegar pela internet em paz. A verdade é que ninguém gosta de várias janelas se abrindo sem serem convidadas na sua página, ter que ficar fechando propagandas para poder acessar o conteúdo desejado, ou quando o seu vídeo é interrompido na metade para mostrar algo que, na maioria das vezes, você nem está interessado.

Portanto o primeiro motivo para utilizar um bloqueador de anúncios na internet seria para poder navegar mais tranquilamente. Ah, o incômodo que dá quando você clica em algum link ou botão na página e então abre uma nova página completamente diferente com um conteúdo totalmente não relacionado ao que você deseja. Ter que passar então, pelo transtorno de ir e fechar essa nova página.

Sabe, passar por situações assim uma vez ou outra pode ser até compreensível. Mas tem horas que tudo passa dos limites. E aí chega o momento de interferir: Adblock para que te quero!

O segundo motivo para adquirir um bloqueador de anúncios é menos óbvio, porém também importante: aumento na velocidade de navegação. Sim, pode não parecer, mas os anúncios ocupam dados, e isso interfere na velocidade em que as páginas são carregadas. Uma página cheia de anúncios demora muito mais para carregar completamente.

-- Publicidade --

Pense nisso: você pode estar culpando a sua internet pela demora no carregamento das páginas, mas a culpa pode ser da quantidade de anúncios que ela contém! E claro, estamos na era da instantaneidade, alguns milésimos de segundo fazem toda a diferença para uma geração que quer tudo instantâneo em suas mãos. É, aposto que você não tinha pensado nisso!

O terceiro motivo para você utilizar um bloqueador de anúncios é o mais importante: segurança. Isso mesmo, existem sites que apresentam anúncios mal-intencionados que podem adicionar trackers ou malwares no seu computador! E isso não é tão raro de acontecer, tendo sido apresentado em sites grandes e famosos como The New York Times e BBC.

E como você vai saber se os anúncios exibidos em uma página são seguros ou se apresentam vírus? A verdade é que não dá pra saber até que você seja infectado, então todo cuidado é pouco!

Isso acontece não porque os donos desses sites estejam mal-intencionados em relação aos seus usuários, não! Na verdade, eles se utilizam de empresas terceirizadas para veiculação de seus anúncios, portanto eles não têm controle do que efetivamente irá ser veiculado em suas páginas. É, está cada vez mais difícil confiar nas páginas por aí.

E Quais os Pontos Negativos?

Como tudo na vida, os bloqueadores de anúncios possuem, sim, pontos negativos. E é preciso explorá-los neste texto, para você saber exatamente no que está se metendo.

-- Publicidade --

O primeiro e principal ponto negativo do Adblock já foi mencionado aqui no início do texto: muitos sites utilizam a renda garantida pela veiculação de anúncios para sobreviverem, portanto, bloqueando a exibição desses anúncios, o dono do site também estará deixando de receber o valor que deveria.

Esse é o principal dilema de quem usa um bloqueador de anúncios. Até que ponto vale a pena bloquear os anúncios de uma página? Eu posso estar impedindo o ganha-pão de alguém. Bom, felizmente esse problema é muito fácil de se resolver com a whitelist. Adicionando o site como uma exceção, você verá normalmente todos os anúncios contidos nele, contribuindo para a renda do dono. Problema resolvido!

O segundo problema é que os donos do bloqueador de anúncio também precisam sobreviver de alguma forma, certo? E se o seu serviço está sendo oferecido gratuitamente, não será daí que vem a renda. Nomes como o famoso Adblock Plus são conhecidos por ter contratos com empresas específicas para não bloquearem seus anúncios, sendo portanto, não efetivos em sua premissa principal. Quem deve formar a lista de exceções é o próprio usuário, não o bloqueador.

Seguindo na mesma linha, existem blockers que também funcionam como trackers e podem não só coletar seus dados de navegação como alterar o comportamento de seu navegador. Muito cuidado com esse tipo de aplicativo, você pode achar que está em segurança, mas estar sendo monitorado mesmo assim! Como por exemplo, a extensão Nano Adblocker, que foi removida da loja de extensões do Chrome em 2020 por exatamente rastrear dados dos usuários que a utilizavam.

Mas o que eles fazem com os dados coletados? Eles podem vendê-los para terceiros, expondo você completamente.

-- Publicidade --

Por fim, alguns bloqueadores de anúncios podem ir além do seu papel principal e bloquear coisas importantes em sites como o acesso ao carrinho de compras. Isso pode ser um tanto desconfortável, mas também pode ser resolvido simplesmente colocando o site na whitelist.

Agora que você já sabe os pontos positivos e negativos, pode decidir por si mesmo se deseja ou não utilizar um Adblock no seu navegador. Ah, você quer? Então aqui vai uma sugestão gratuita:

Instalando o Adblock

Segundo pesquisas, a opção gratuita mais segura é um bloqueador chamado exatamente Adblock. Utilizado por mais de 65 milhões de pessoas pelo mundo (inclusive eu), ele foi criado em 2009 e desde então se tornou uma das ferramentas de navegador mais populares.

O Adblock é um software de código aberto, e faz parte da comunidade Acceptable Ads, o que significa que o principal objetivo dele é impedir apenas os anúncios mais invasivos e desconfortáveis. Anúncios pequenos e simples continuam sendo exibidos normalmente, não prejudicando assim certos sites.

O Adblock está disponível para o Google Chrome, Mozilla Firefox, Microsoft Edge, Safari, iOS e Android. Para baixar, basta acessar o site oficial do Adblock e selecionar na página o seu navegador. O próprio site te redicionará para a loja de extensões correta para que você possa fazer as instalações.

-- Publicidade --
Página inicial do site oficial do adblock browser
Escolha o icone do seu navegador

Como exemplo, eu selecionei o Firefox. Ele redirecionou para a seguinte tela:

Página sobre o adblock para o firefox com botão para obter
Exemplo de tela ao selecionar um navegador

Nesta tela, basta clicar em “obtenha o Adblock para o Firefox” que a loja de extensões do navegador abre na sua tela.

Página da loja de extensões do firefox para adicionar a extensão do adblock
Loja de extensões do Firefox

Uma vez na loja de extensões corretas, basta seguir ar informações da página para adicioná-lo ao navegador. Por exemplo, no Chrome aparece um botão com a opção “usar no Chrome”, basta clicar e pronto!

A parte negativa é que ele não funciona para o aplicativo do Google Chrome para celular, a versão para Android é para o navegador Samsung Internet.

O Adblock é gratuito para usar, mas possui uma versão premium, com um número maior de opções como substituir os anúncios da página por imagens de paisagens ou animais. O Adblock Premium custa $1 (sim, dólar) por mês, ou se optar por uma assinatura anual custa $10 por ano.

-- Publicidade --

Usando o Adblock

Após adicionado ao seu navegador, aparecerá um ícone em vermelho com uma mão desenhada na parte de cima do navegador, geralmente com um número em baixo (no caso o número de propagandas bloqueadas na página). Clicando no ícone, aparecem algumas opções:

Ícone da extensão do adblock e opções ao clicar nele
Clique no ícone do Adblock para ver essas opções

A opção “atualize seu Adblock” serve para usuários que querem trocar para a versão Premium, paga. Logo abaixo, você vai ver o domínio do site que está visitando (no meu caso, Youtube), e o número de anúncios bloqueados na página.

Logo abaixo, você já terá a opção de pausar o Adblock na página que está visitando, neste caso, voltando a ver todos os anúncios bloqueados. Clicando em “uma vez”, você permite os anúncios apenas nesta vez que visitar o site. Clicar em “sempre” adiciona o site na whitelist e permite anúncios em todas as suas visitas futuras.

Adicionei um site na whitelist e me arrependi, quero voltar a bloquear os anúncios da página, como eu faço? É bem simples, ao clicar no ícone do Adblock na parte superior do seu navegador (que agora terá a aparência verde, pois permite anúncios no site) você verá a opção “reativar o adblock”. Basta clicar, e pronto.

Opção para reativar o adblock em uma página na whitelist
Para voltar a bloquear anúncios em uma página, basta clicar em “reativar o adblock”

Apenas adicionar o Adblock em seu navegador já será suficiente para utilizá-lo sem problemas, mas também há uma série de configurações que podem ser feitas, a fim de otimizar o uso da ferramenta. Para acessar as configurações, basta clicar no seguinte ícone:

-- Publicidade --
Página geral do adblock mostrando o ícone de configurações
Ícone de configurações da ferramenta

Você verá então a seguinte página:

Página de configurações gerais do adblock
Página de configurações do Adblock

Nesta página já é possível ver algumas opções interessantes como permitir anúncios discretos e permitir anúncios em alguns canais do Youtube e do Twitch. Para esta opção, você precisará reiniciar o seu navegador após marcá-la, logo depois basta visitar um vídeo no canal que deseja ver os anúncios, clicar no ícone do Adblock e selecionar “permitir anúncios neste canal”, assim você poderá ajudar seu criador de conteúdo favorito, e ainda assim bloquear anúncios em outros canais.

As outras opções são mais específicas como “lista de filtros”, que contém os tipos de filtros de anúncios que você deseja usar e em “personalização” você pode bloquear anúncios baseados na URL dos mesmos, e até personalizar os filtros utilizados. Eu não recomendo mexer nessas coisas a não ser que você tenha pleno conhecimento do que está fazendo, pois um movimento errado pode alterar o funcionamento do seu plugin.

Uma última coisa antes de terminar: alguns sites podem bloquear a sua visualização quando há uso de um bloqueador de anúncios. Neste caso, para navegar no site você precisará pausar o bloqueador naquele site, ou adicioná-lo na whitelist.

Existem outras opções de bloqueadores de anúncios, mas use-as por sua conta e risco! Tenha certeza de olhar comentários e fazer uma boa pesquisa antes de instalá-la no seu navegador. Existem também algumas versões pagas, como a do antivírus Avast, mas sinceramente eu não vejo grande necessidade de pagar para ter algo que você pode usufruir de graça.

-- Publicidade --

E aí, gostou do texto? Já instalou o seu Adblock ou já utilizava ele antes? Conta pra mim nos comentários! E ah, não esqueça de colocar o site da Married Games na sua whitelist!

Avatar of ane caroline medeiros

Jornalista, 26 anos. Ama ler e escrever e sonha um dia poder mudar as pessoas com suas palavras. Isso, claro, com uma música bem legal de BG!