eSportsNotícias

Ranger é suspenso e Flamengo toma multa de R$ 5mil

Visualizações

Ranger, ou Fililpe Brombilla, o caçador da Flamengo E-sports no seu time profissional de League of Legends, foi multado em 5 mil reais pela Riot Games em uma partida no CBLoL. A Riot divulgou a suspensão e a multa no domingo, no final da rodada do torneio, pelo contexto de que o caçador teve posição discriminatória em suas redes sociais. Portanto, Ranger não irá enfrentar a FURIA no próximo sábado.

Confira também: Detalhes de Cyberpunk 2077 pré-venda

Ranger toma multa para a Flamengo Esports

Veja mais:

“Esperamos que membros das equipes mantenham um comportamento cordial e respeitoso dentro e fora de jogo, e não podemos tolerar qualquer tipo de conduta discriminatória. Esse tipo de conduta é considerada grave e será enquadrada em conduta inadequada grave, previsto na Tabela de Penalidades da Temporada 2020.

Justificou a Riot, em seu comunicado oficial

Ranger se pronuncia sobre a suspensão

O Tweet discriminatório em questão foi um onde o Ranger se referiu ao jogador “Rainbow” da equipe Santos trocando a letra “R” por “L”, ficando Lainbow; comentário considerado xenofóbico devido ao jogador ser sul-coreano. Depois de saber da suspensão e da multa, Ranger se posicionou em sua rede social. “Me desculpem. Do fundo do coração.”

Segundo o regulamento do CBLoL, a ofensa proferida pelo Ranger se enquadrou nas regras 10.1.2 (Ofensas e Discurso de Ódio) e 10.2.4 (Discriminação e Difamação). O Flamengo infelizmente não tem nenhum jogador da posição de caçador inscrito no campeonato para atuar como reserva do Ranger. Então, um dos dois reservas: Lucas “Luskka” ou o Seong “Reven” (Flanalista), que são das funções de atirador e suporte respectivamente, terão de assumir a função no próximo sábado no jogo contra a FURIA.

Lucas Votto
O autorLucas Votto
Redator
Estudante de Jogos Digitais e aspirante a programador. Viciado por jogos de LEGO e estratégia.