Ator do MCU é Contratado para Viver Kraven

Sim, o filme de Kraven, o Caçador vai virar realidade. Após ser confirmado pela Sony em agosto de 2020, os fãs ficaram um bom tempo sem receber nenhuma nova notícia, imaginando se a produção iria mesmo acontecer. E vai: hoje (27), foi confirmado o ator que irá viver o vilão nos cinemas.

E trata-se nada mais, nada menos do que Aaron Taylor-Johnson, um conhecido dos fãs do Universo Marvel. Pois é, ele interpretou Pietro Maximoff (irmão de Wanda), o Mercúrio em Vingadores: Era de Ultron.

Aaron Taylor-Johnson

Aaron taylo-johnson como mercúrio, imagem próxima mostrando até a linha da cintura, com a impressão de que ele está correndo | kraven
Pôster de Aaron para o filme dos Vingadores

Mas Johnson não interpretou somente este papel no cinema. Ele foi o principal no filme Kick-Ass (sim, o próprio Kick-Ass), e viveu Ives em Tenet (2020), papel pelo qual é bem elogiado pelos fãs. Outros papéis interpretados pelo ator são John Lennon em O Garoto de Liverpool, Edward Eisenheim jovem em O Ilusionista, Conde Vronsky em Anna Karenina, Tenente Ford Brody em Godzilla, Ray Marcus em Animais Noturnos, entre outros.

Aaron nasceu em 13 de junho de 1990. Ele começou a atuar com apenas 6 anos, em peças de teatro, sendo sua primeira aparição no cinema no filme de 2000 O Apocalipse. Nasceu em Buckinghamshire, na Inglaterra. Em 2009, quando estava gravando O Garoto de Liverpool se encontrou pela primeira vez com a diretora Sam Taylor-Wood, com quem se casou em 2012 e teve duas filhas.

Uma curiosidade do ator é que ele foi cotado para interpretar Peter Parker, em O Espetacular Homem-Aranha, filme de 2012, ocasião na qual perdeu o papel para Andrew Garfield, mas agora ele tem a chance de entrar no Aranhaverso não como mocinho e sim como vilão, mas com um filme próprio.

-- Publicidade --

Outra curiosidade é que o contrato assinado por ele prevê atuação não só em um filme, mas como em várias produções, o que indica mais coisa vindo por aí.

Kraven, o Caçador

Nascido Sergei Kravinoff, o Caçador é um dos vilões mais notáveis nas HQs do Homem-Aranha, com aparição na famosa edição A Última Caçada de Kraven, tendo sido apresentado ao universo do Amigão da Vizinhança em 1964.

Sergei nasceu na primeira metade do século 20, na Rússia, parte de uma aristocracia que já havia conhecido seu fim. Para compensar essa sensação de nobreza perdida, ele treinou para se tornar um dos maiores caçadores do mundo.

Ele encontrou então uma curandeira chamada Calypso, com quem consegue uma poção que confere a ele mais força, velocidade e melhora seus sentidos, além de retardar o envelhecimento, tornando-o um caçador ainda melhor.

É proposto a ele, portanto, caçar exatamente o Homem-Aranha. Esta se tornaria sua maior presa e confirmaria a ele o posto de melhor caçador do mundo, por isso ele inicia então sua caçada ao herói. A batalha entre os dois durou muitos anos.

-- Publicidade --

Sem spoilers! Então vou parar por aqui, já deu para ter uma ideia de quem é Kraven, o Caçador e o que o move.

Uma curiosidade é que apesar de ser um caçador, Kraven não utiliza armas de fogo, preferindo usar armas brancas, como lanças e facas, podendo matar suas presas com as próprias mãos.

O filme de Kraven, o Caçador teoricamente irá adaptar a história da HQ A Última Caçada de Kraven, segundo o escritor da obra, e será dirigido por J.C. Chandor, indicado ao Oscar em 2012 pelo roteiro de Margin Call.

O Universo Marvel da Sony

Leia mais: Veja todos os lançamentos da Marvel até 2023

Sim, o Homem-Aranha faz parte do Universo Marvel. Sim, ele está no MCU. E existe ainda um novo Universo de produções, o chamado Universo Marvel da Sony. Um pouco confuso, né? Mas, basicamente é uma parceria entre a Sony e a Marvel para que a primeira produza filmes relacionados a um personagem que integra o mundo da segunda, no caso, o Homem-Aranha.

-- Publicidade --

Desde 2002, com a produção do primeiro Homem-Aranha, a Sony detém os direitos do personagem, tendo lançado mais dois filmes até 2007, estrelados por Tobey Maguire. Em 2010, a produtora compartilhou interesse em reiniciar a franquia. Andrew Garfield foi contratado para ser o novo Homem-Aranha, e mais dois filmes foram produzidos, intitulados O Espetacular Homem-Aranha.

Mas tudo isso ainda não é parte do Universo Marvel da Sony. Ele so teve início em 2015, quando foi oficialmente anunciada a parceria entre Sony e Marvel, de acordo com a qual a Sony continuaria produzindo filmes do Homem-Aranha, mas ao mesmo tempo ele seria introduzido no MCU, o Universo Cinematográfico da Marvel.

O primeiro filme do Universo Marvel da Sony foi Venom, lançado em 2018. Enquanto Homem-Aranha: De Volta ao Lar (2017) foi o primeiro filme do herói, agora interpretado por Tom Holland, a fazer parte do MCU. A ideia era ver qual seria o desempenho de Venom para só então decidir se continuariam com o novo Universo.

A parceria, entretanto, está próxima do fim. Em setembro de 2019 foi acordado que seria produzido apenas mais um filme do Homem-Aranha que integraria o MCU. Este será Spider-Man: No Way Home, previsto para estrear ainda este ano.

Quanto ao Universo Marvel da Sony, este irá se expandir cada vez mais, com filmes como Venom – Tempo de Carnificina, que irá ser lançado no Brasil em setembro e Morbius, estrelado por Jared Leto e previsto para estrear no início de 2022. A Sony pretende continuar se utilizando de personagens do universo do Homem-Aranha, com rumores de até uma aparição do herói em algum dos filmes, quem sabe.

-- Publicidade --

Ainda estão em desenvolvimento obras centradas em Gata Negra, Madame Teia, o Sexteto Sinistro, Sabre de Prata e Nightwatch, além, é claro, o filme de Kraven, que está previsto para estrear em janeiro de 2023.

O que achou da escalação para o papel de Kraven? Está ansioso/a para ver o personagem nos cinemas? Deixa nos comentários!

Avatar of ane caroline medeiros

Jornalista, 26 anos. Ama ler e escrever e sonha um dia poder mudar as pessoas com suas palavras. Isso, claro, com uma música bem legal de BG!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *