NotíciasSteam

CS:GO – Trusted Mode está dando problema aos jogadores. Entenda

Visualizações

O jogo CS:GO introduziu no seu último update um novo sistema anti-cheat, porém, seu lançamento foi um pouco caótico.
O “Trusted Mode”, nome do novo anti-cheat, impede que uma grande parte de processos externos interajam com o jogo, fazendo com que os jogadores tenham que encerrar todos os processos incorretos antes de poder abrir o CS:GO. Embora o modo possa ser desabilitado com a edição “-unstrusted” nas opções do jogo, isso irá impedir seu acesso a servidores habilitados para VAC, e também reduzirá o fator de confiança, que afetará na partida.

Confira também: Black Desert: Nova classe chega exclusivamente aos consoles

Alguns modos de jogo que não são oficiais, como os que são baixados e executados dos servidores da comunidade; podem ser executados com o modo confiável desativado para que eles funcionem. Levando em consideração que desde sempre esses modos estão no CS:GO, essa decisão é bem bizarra.

O que é ainda pior, são relatos de jogadores comuns que estão dizendo que softwares comuns como OBS, Discord, Spotify e Nvidia Game Filter estão violando o Trusted Mode, mesmo não tendo impacto no jogo em si. Outro problema é que o jogo não diz exatamente qual processo está adicionando ao Trusted Mode, fazendo com que os jogadores não tenham ideia do porquê não conseguem jogar.

Problemas de performance também estão ocorrendo no CS:GO Trusted Mode

Alguns jogadores que conseguem entrar em jogo também estão relatando alta perda de desempenho nos jogos. Uma causa exata para isso não foi determinada, mas, alguns relatam que o fechamento de outros programas não relacionados com o Anti-cheat resolvem o problema.

CS:GO Trusted mode causando problemas aos jogadores

Infelizmente, não há nada que os jogadores individuais possam fazer para que seus programas favoritos trabalhem com o CS: GO novamente, além de desativar totalmente o modo confiável e sofrer as consequências. Cabe ao desenvolvedor do software garantir que seus arquivos sejam “assinados digitalmente com uma assinatura Authenticode” para estar em conformidade com o novo sistema e, mesmo assim, a Valve diz que mantém o direito de bloquear qualquer código assinado que “interfira no jogo de qualquer forma “.

Até o momento, a Valve ainda não divulgou nenhuma declaração sobre os problemas que os jogadores enfrentam desde o lançamento da atualização.

Via: PCGamer

Lucas Votto
O autorLucas Votto
Redator
Estudante de Jogos Digitais e aspirante a programador. Viciado por jogos de LEGO e estratégia.