Dragon Ball terá um jogo ao estilo Dead by Daylight

Sobreviva para viver, evolua e colabore para o triunfo dos Guerreiros Z em Dragon Ball: The Breakers, um novo multiplayer que o fará correr para salvar a vida.

Sempre que um novo jogo Dragon Ball é anunciado, é geralmente uma aposta segura que ele seguirá o enredo da série de mangá e adaptações de anime, aderindo a um roteiro de ação e tramas familiares, com algumas poucas mudanças como é o caso de Dragon Ball Z Fighter ou os títulos da saga Xenoverse. Dragon Ball: The Breakers, por outro lado, pode ser apenas a versão mais recente e horripilante da franquia, já que o último jogo da Bandai Namco ambientado nessa franquia está indo para um caminho mais voltado para o suspense e sobrevivência.

No trailer de estreia do jogo, a Bandai Namco descreve Dragon Ball: The Breakers como uma experiência de “multijogador assimétrico”. Um jogador assume o papel de um dos maiores vilões de Dragon Ball – Cell, Frieza ou Majin Buu – enquanto vários outros jogadores controlam humanos muito mais frágeis ou Oolong, o porco que muda de forma. Alerta de spoiler: mesmo com uma bazuca, os jogadores não conseguirão lutar muito contra um evento de extinção ambulante que pode destruir um planeta inteiro se estiverem de mau humor.

Explorando o futuro ruim de Dragon Ball

As rodadas consistem em sete sobreviventes tentando escapar de outro jogador que controla um vilão de Dragon Ball. Esses jogos acontecem em uma costura temporal que existe fora do espaço-tempo normal. Os sobreviventes não têm nenhum superpoder e devem contar com vários itens de power-up, armas e veículos pilotáveis para lutar e escapar de Cell, e a única maneira de escapar é encontrar a Super Máquina do Tempo. O jogador que assume o controle do piloto pode aumentar o poder assim que vários sobreviventes forem derrotados.

Dragon ball the breakers
Dragon Ball The Breakers

Embora não seja mostrado como Frieza se aparecerá neste jogo, o trailer mostra Cell usando sua infame técnica de absorção do Android para agarrar um jogador e usá-lo para alcançar sua forma perfeita, (pelo menos ele não está “bebendo” gente neste jogo).

Os jogadores também podem criar seus avatares de jogo, usando skins de Sobrevivente desbloqueadas e equipamentos decorativos ganhos com créditos no jogo ou por meio de compras opcionais in-game(é claro), enquanto os dados salvos de Dragon Ball: Xenoverse 2 também serão vinculados ao jogo.

-- Publicidade --

A Saga das Esferas do Dragão

Caso você nunca tenha ouvido falar, o que é bastante improvável, de Dragon Ball, ele é um mangá criado por Akira Toryama e publicado pela Shonen Jump. A saga principal terminou nos anos 90, mas, eventualmente o anime ou mangá ganha um novo jogo, nova saga ou novo mangá e, de alguma forma, continua até hoje. Nele acompanhamos a vida de Son Goku, desde a sua infância, até as suas diversas mortes que acontecem ao longo da saga. Em geral, a primeira fase do mangá e do anime se foca na busca das Esferas do Dragão, que são objetos que, quando reunidos, podem conceder um desejo a quem reuniu elas.

A segunda fase do anime, mais famosa, é chamada de Dragon Ball Z. Nela descobrimos que Goku é um membro da raça dos sayajins, uma espécie alienígena com grande força e vontade de lutar. Conforme se avançam os capítulos novas batalhas cada vez mais intensas acontecem contra vilões cada vez mais fortes.

Duas sagas não oficiais foram lançadas após o fim de Dragon Ball Z, chamadas Dragon Ball GT e Dragon Ball Super, sendo GT uma forma de tentar voltar as histórias de aventura da primeira fase, levando Goku, Trunks e Pan ao espaço em busca das Esferas do Dragão e Dragon Ball Super ignora a saga GT e continua as histórias de ação e lutas depois da luta contra Majin Buu.

A Bandai Namco diz que os detalhes de um teste beta fechado de rede estarão disponíveis em breve, e que Dragon Ball: The Breakers chegará ao PS4, PS5, Xbox One, Xbox Series X | S, Nintendo Switch e PC em 2022. Fale conosco nos comentários e diga se curtiu essa novidade e aproveite para ler mais notícias no nosso site.

-- Publicidade --
Avatar of paulo fabris

Paulo Fabris é um jornalista, escritor, RPGista, gamer, cosplayer, nerd e fã de animes desde a época da TV Manchete.