Fortnite não Volta a Apple Store tão Cedo

Batalha judicial entre a Apple e a Epic Games continua e isso significa que Fortnite não Volta a Apple Store antes do final do processo

Após algumas decisões e liminares a respeito do processo da Epic e da Apple a respeito do Fortnite, o jogo de battle royale da Epic Games, um dos altos executivos da empresa de jogos compartilhou em seu Twitter uma nova decisão sobre o caso e, se você é um fã de Fortnite e está esperando para jogar em seu iPhone, temos mais notícias. De acordo com as informações divulgadas pelo executivo, a Apple não restaurará Fortnite a App Store em um futuro próximo. Seu post já começa com a afirmação de que “a Apple mentiu”.

Em um processo que pode levar anos, a Apple “não restabelecerá a conta do Programa de Desenvolvedor da Epic neste momento” e “não considerará nenhum pedido de realocação até que o julgamento do tribunal distrital se torne final e irrecorrível”. A notícia vem depois que a Epic Games interpôs recurso da decisão tomada no processo. Recursos desse tipo podem levar anos para serem finalizados, portanto, até que o veredicto final seja dado, não espere poder baixar o Fortnite, ou qualquer produto da Epic, em um dispositivo da Apple.

Fortnite não volta a apple
A Epic continua fora da Apple

Fortnite não Volta a Apple Store por quê?

A alegação de Sweeney sobre a desonestidade da Apple decorre dos resultados do veredicto inicial no processo da Epic. Em um tweet, o fundador e CEO da Epic falou sobre como se sente desprezado, dizendo: “A Apple passou um ano dizendo ao mundo, ao tribunal e à imprensa que ‘acolheria com agrado o retorno da Epic à App Store se concordassem em jogar pelas mesmas regras que todos os outros’. A Epic concordou, e agora a Apple renegou outro abuso de seu poder de monopólio sobre um bilhão de usuários.”

Para contextualizar, a Epic habilitou em suas plataformas de pagamento opções fora do ecossistema iOS em Fortnite, resultando em um processo judicial entre as duas empresas sobre se a Apple estava violando as leis contra monopolizando o mercado de jogos. Para a Apple, só seriam permitidos compras dentro de seu ecossistema, o que faria com que eles ganhassem uma parte do valor das microtransações feitas pelos jogadores em Fortnite. Isso resultaria em menos lucro para a Epic ou em preços mais altos para os jogadores no sistema da Apple. Opções que, para a Epic, não parecem boas.

-- Publicidade --
Fortnite não volta a apple store tão cedo | 76c81bb9 tuite1 | married games notícias | android, apple, epic games, fortnite, ios, multiplayer, pc | fortnite não volta a apple
Carta a Phil Spencer

O CEO da Epic postou uma carta sua para o companheiro da Apple, Phil Schiller, dizendo que a Epic pagou milhões de dólares à Apple devido ao resultado da batalha legal, mas também “desativou os pagamentos da Epic no lado do servidor”. A Apple foi ordenada em uma liminar para permitir o uso de serviços de pagamento externos em aplicativos, e deveria entrar em vigor em 9 de dezembro, embora isso também esteja envolvido no recurso da Epic.

Com mais batalhas judiciais agendadas entre os dois, não é de se estranhar que a Apple tenha decidido adiar a permissão da Epic para trazer aplicativos como o Fortnite de volta para dispositivos iOS. Tudo o que sabemos por enquanto é que nada mudará em relação aos jogos da Epic em dispositivos Apple. Você terá que jogar Fortnite em qualquer uma das muitas outras plataformas onde o popular jogo Battle Royale pode ser jogado.

A Batalha Real continua em Fortnite

Fortnite é um jogo ao estilo Battle Royale, desenvolvido pela Epic Games e você pode baixá-lo no site oficial, e que pode ser jogado gratuitamente no PS4, Xbox One, PC, Nintendo Switch e celulares Android. Um sucesso entre os jogos do seu gênero, e ainda figurando nas listas de games online mais jogados atualmente, o título recebe atualizações com novos conteúdos regularmente.

Aproveite para ler mais sobre Fortnite no nosso site.

-- Publicidade --
Avatar of paulo fabris

Paulo Fabris é um jornalista, escritor, RPGista, gamer, cosplayer, nerd e fã de animes desde a época da TV Manchete.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *