Pesquisar
Close this search box.

Meta está preparando plataforma NFT para Facebook e Instagram

Parece que o Meta está preparando plataforma NFTs e está prestes a dobrar sua aposta no Metaverse

Nós sabíamos que isso iria acontecer desde que houve anúncio da mudança de nome, mas, para surpresa de zero pessoas, o Meta está preparando plataforma NFT para seus usuários e isso chegará em algum momento nas suas redes sociais, o Facebook e o Instagram e, talvez até, ao WhatsApp. De acordo com uma reportagem do Financial Times, a gigante da mídia social por trás do Facebook e do Instagram está se preparando para lançar um recurso que permitirá que os usuários exibam NFTs em suas contas de mídia social.

Fontes desconhecidas disseram ao Financial Times que a Meta estava trabalhando em um “protótipo” de um mercado onde os usuários poderão comprar, vender e cunhar NFTs. Também está configurado para adicionar uma função de suporte NFT nos perfis dos usuários. O relatório não especificou a rede blockchain que a Meta usaria para o mercado.

NFTs são ativos tokenizados que vivem em uma blockchain como Ethereum ou Solana. Eles podem abranger arte digital, música, memes ou outros tipos de conteúdo criativo. A tecnologia atingiu o mainstream em 2021.

Leia Também:
Gosta de pôquer e criptomoedas? Conheça Polker
34 melhores jogos para ganhar criptomoedas
Criptokitties, conheça os gatinhos que valem dinheiro
Guia para iniciantes de Axie Infinity
Jogos parecidos com Axie Infinity

Meta está preparando plataforma nft
Meta está preparando o caminho para os NFTs

Meta está preparando plataforma NFT e isso não é surpresa

As notícias de hoje seguem vários movimentos estratégicos para adotar a tecnologia blockchain da empresa de Mark Zuckerberg. A empresa deixou claras suas intenções de explorar criptomoedas em junho de 2019, quando anunciou que lançaria uma stablecoin chamada Libra, juntamente com uma carteira de criptomoedas chamada Novi. O projeto teve uma jornada difícil e desde então foi renomeado para Diem e ainda está para ser lançado.

Em agosto de 2021, no auge da explosão do NFT, o ex-chefe de finanças do Facebook, David Marcus, revelou que a empresa estava procurando apoiar NFTs com sua carteira de stablecoin. Em seguida, dobrou de forma memorável seu compromisso com as criptomoedas quando foi renomeado para Meta em outubro como parte de uma missão de “trazer o Metaverse à vida”. Embora ainda seja um conceito abstrato, o Metaverso é normalmente discutido de forma intercambiável com criptografia, NFTs e tecnologia blockchain. Acredita-se amplamente que blockchains como o Ethereum atuarão como a camada base para o Metaverse e o Web3.

Se a Meta criar um mercado NFT como rumores, enfrentará forte concorrência da OpenSea – o mercado líder que negociou mais de US$ 14 bilhões em 2021. A Coinbase também deve lançar um mercado NFT iminentemente seguindo os passos de outras exchanges de criptomoedas; está confirmado que o mercado será projetado “para engajamento social” e esta semana anunciou que permitiria pagamentos com Mastercard. O Reddit também está pensando em lançar um mercado dedicado a não fungíveis.

Meta é a maior empresa de mídia social do mundo, supervisionando o Facebook, Instagram e WhatsApp. No terceiro trimestre de 2021, tinha pelo menos 3,58 bilhões de usuários em todo o mundo. A incursão relatada pela Meta em NFTs pode ser um grande catalisador para a adoção em massa e ajudar a popularizar o uso de ativos digitais, enquanto criadores de artistas são uma maneira de monetizar seu trabalho.

Tudo o que você precisa para começar no mundo dos NFTs e ganhar dinheiro

[amazon bestseller=”nft” tracking_id=”mg-paulo-20″ grid=”1″ items=”1″]

[amazon bestseller=”smartphone” tracking_id=”mg-paulo-20″ grid=”1″ items=”1″]

[amazon bestseller=”notebook” tracking_id=”mg-paulo-20″ grid=”1″ items=”1″]

NFTs ainda enfrentam resistência

NFTs, ou tokens não fungíveis, vêm ganhando suporte de várias plataformas da web estabelecidas nos últimos meses. O Twitter está trabalhando em maneiras de integrar em seus serviços os tokens da blockchain, enquanto o Reddit lançou sua própria coleção de avatares NFT para usuários. Sem contar as publishers de games que são favoráveis e aquelas que abandonaram aos NFTs.

Embora os NFTs sejam muito criticados por seu valor especulativo (os preços sobem e descem muito rapidamente) e pela falta de segurança (se você quiser saber como deixar os seus NFTs mais seguros, veja esse artigo), esses ativos se tornarão mais significativos se os gigantes de tecnologia existentes optarem por apoiá-los.

Um NFT é, no fundo, uma maneira de reivindicar a propriedade de um item digital como um JPG ou um GIF por meio de um endereço exclusivo no blockchain. E apesar das alegações de que esses ativos incorporam formas descentralizadas de propriedade, sua legitimidade se baseia no reconhecimento das plataformas online existentes. Se o Twitter ou o Instagram permitem que qualquer pessoa copie e cole seu JPG de um meme, quem pode dizer quem realmente é o dono? Mas se as empresas começarem a fazer valer os direitos de propriedade conforme significados pelas NFTs, elas podem se tornar ativos digitais legítimos (pelo menos nessas plataformas).

Para a Meta, adotar NFTs também poderia ajudá-la a exercer maior influência no que a empresa rotulou de metaverso (um conceito de mundos virtuais interconectados, semelhante às promessas de universos de Realidade Virtual lançadas na década de 1990 e antes). Isso poderia aumentar o valor e a importância das NFTs, ao mesmo tempo em que centraliza o controle sobre os ativos.

Fale conosco nos comentários e diga se você ficou surpreso com essa adoção de NFTs por parte do Meta. Investe em algum NFT? Fale para nós e aproveite para ler mais notícias no nosso site.

Fonte: Financial Times

TEAMGROUP na Computex 2024 apresenta novos produtos com o lema: "Elevate Gaming . Empower AI"
Saiba se vale a pena jogar Fabledom
Quer dar vida aos seus modelos 3D com texturas impressionantes? Continue lendo para aprender tudo sobre o processo de mapeamento UV do Blender!
Saiba mais sobre a espetacular memória RAM DELTA TUF RGB DDR5
Quer saber se vale a pena jogar a última obra de Akira Toryama? Então veja nossa analise de Sand Land