Compositor fala sobre a música de Dying Light 2

Em entrevista, Olivier fala sobre a inspiração por trás da trilha sonora de Dying Light 2 e o instrumento criado exclusivamente para o jogo

No mais recente episódio de Dying 2 Know, o renomado compositor Olivier Derivière (Streets of Rage 4, Vampyr, A Plague Tale: Innocence) fala sobre a música de Dying Light 2 e detalha a construção de um instrumento especial que cria sons extraordinários para o jogo, além de compartilhar a inspiração por trás do tema principal de Dying Light 2, “Run, Jump, Fight”.
 
Criado a partir da roda de uma bicicleta velha, um cabo de aço, diversos fios de metal e outros objetos descartados da cidade, o Saltério Elétrico evoca a engenhosidade dos sobreviventes de Villedor, como se tivesse sido retirado diretamente do mundo do jogo. Projetado pelo músico e instrumentista Nicolas Bras, especializado em equipamentos do estilo “faça você mesmo”, as cordas do Saltério Elétrico, que podem ser arrancadas ou curvadas, correspondem a personagens específicos do jogo. O topo do saltério faz um som suave de chocalho quando girado, e ele pode ser ouvido no jogo quando o jogador toma decisões que afetarão a história, os personagens, ou o mundo como um todo.

Para dar vida à ambiciosa trilha sonora de Dying Light 2 Stay Human, Olivier Derivière e a Techland fizeram uma colaboração com uma das melhores orquestras do mundo, a London Contemporary Orchestra. Junto com a Abbey Road Studios, Olivier e a Orchestra gravaram toda a trilha, criando uma experiência sonora que os jogadores jamais esquecerão.
 
“Ele apoia a narrativa ao gerar nostalgia em certos momentos, encoraja a bravura nas batalhas ao adicionar adrenalina com as melodias certas e energiza o jogador, levando-o a se esforçar mais enquanto faz parkour pela cidade”, disse Adrian “Pyza” Ciszewski, Diretor de Criação de Dying Light 2 Stay Human. “Esta colaboração entre nós fez com que o som se desenvolvesse de acordo com nossa visão artística do que veremos na tela e se integrasse perfeitamente. Foi de fato um projeto ambicioso, mas nos divertimos muito, e ver o resultado final com certeza valeu a pena o esforço.”
 
Ao revelar o tema principal de Dying Light 2, “Run, Jump, Fight”, pouco antes do último episódio de Dying 2 Know, Olivier disse: “Tem sido uma jornada incrível trabalhar com a Techland na criação de uma paisagem sonora única do jogo e ampliando os limites no design da música de mundo aberto”. As cordas, metais e bateria da faixa evocam corrida, pulo e luta, respectivamente. Assista ao mais recente episódio de Dying 2 Know para saber como a trilha sonora de Dying Light 2 Stay Human foi criada e gravada por ícones da indústria musical.
 
Dying Light 2 Stay Human, publicado pela Techland, será lançado em 4 de fevereiro de 2022 para PC, PlayStation 4, PlayStation 5, Xbox One e Xbox Series X|S. Pré-vendas estão disponíveis em dyinglightgame.com/preorder. Todas as pré-vendas vêm com o pacote digital exclusivo Reload, que apresenta uma roupa exclusiva, arma e skin para o parapente.

Música de dying light 2
Olivier Derivière

Quem é Olivier Derivière – Compositor da música de Dying Light 2

Aclamado pela MTV como o “temerário eclético da música para jogos”, o compositor indicado ao BAFTA, Olivier Derivière (‘Get Even’, ‘Remember Me’, ‘Assassin’s Creed IV – Freedom Cry’) pontuou músicas premiadas para animações, filmes e videogames e é amplamente aclamado por sua composição sofisticada e abordagens inovadoras para conectar a música com a jogabilidade.

Derivière é movido por sua paixão em fornecer aos jogadores uma experiência musical única que realmente reflita cada jogo, musicalmente e diretamente em sincronia com a jogabilidade em si. Derivière, treinado de forma clássica, frequentemente combina elementos musicais tradicionais com técnicas de som não ortodoxas em busca de criar uma partitura autêntica que mergulhe totalmente o jogador na jogabilidade e na história, através de seus estilos de música neo-clássicos.

Gravando com as melhores orquestras do mundo e músicos de primeira linha, incluindo a Philharmonia Orchestra, em Abbey Road e Air Studios, o premiado GRAMMY® coro Le Mystère des Voix Bulgares, a Boston Symphony Orchestra e o Children’s Choir da National Opera de Paris, trilhas sonoras pioneiras de Derivière foram indicados pela British Academy of Film and Television Arts e homenageados pela International Film Music Critics Association. 

-- Publicidade --

Sobre Dying Light 2 Stay Human

Dying Light 2 Stay Human é um jogo de RPG de ação em mundo aberto, sequência do aclamado Dying Light, lançado em 2015, que foi jogado por mais de 20 milhões de pessoas por todo o mundo. Desta vez, os jogadores explorarão A Cidade – o último reduto da humanidade na luta contra o vírus. A mecânica de parkour permite que os jogadores explorem o vasto mundo aberto e o usem em combate tático.

A civilização destruída e o cenário do mundo na idade das trevas moderna exigem uma abordagem criativa para encontrar itens e confeccionar equipamentos. A jogabilidade muda durante um ciclo diurno e noturno, então os jogadores podem ousar saquear covis abandonados de infectados à noite e descobrir os segredos sombrios daqueles que estão no poder durante o dia. Os jogadores devem escolher o lado que desejam seguir e escrever sua própria história.

Sobre Techland

Fundada em 1991 na Polônia, a Techland é uma renomada desenvolvedora e distribuidora de jogos independentes para todas as principais plataformas, incluindo PC, Sony PlayStation e a família de dispositivos Xbox. Techland é mais conhecida pelos jogos Dead Island originais, a série Call of Juarez e a franquia Dying Light, um fenômeno global jogado por mais de 20 milhões de jogadores até o momento.

estúdio conta com equipes experientes que conseguem trabalhar em dois títulos AAA ao mesmo tempo. Composta por mais de 400 profissionais em três escritórios na Polônia, a empresa está empenhada em oferecer experiências inesquecíveis e em usar a tecnologia mais avançada para oferecer entretenimento inovador, que inclui a proprietária C-Engine. Para obter mais informações sobre a empresa, visite o site oficial. Fale conosco nos comentários e aproveite para ler mais notícias no nosso site.

-- Publicidade --
Avatar of paulo fabris

Paulo Fabris é um jornalista, escritor, RPGista, gamer, cosplayer, nerd e fã de animes desde a época da TV Manchete.