Todd Howard fala sobre o acordo da Bethesda e Microsoft

CEO da Bethesda, Todd Howard falou sobre a sua parceria com a Microsoft, exclusividade de jogos e deixou as portas abertas para o futuro com a Sony

Todd howard
Todd Howard

Agora que Bethesda faz parte da família Microsoft e o próximo grande game da empresa apresentado durante a E3, Starfield, será lançado exclusivamente para PC e Xbox, Todd Howard, CEO da Bethesda, falou ao site Telegraph sobre o que isso significa do ponto de vista de desenvolvimento de jogos e uma breve resposta sobre o que os fãs do console da Sony podem esperar dessa nova parceria.

“Ao focar nessas plataformas, você realmente começa a se focar muito para torná-las o melhor possível para esses sistemas”, disse ele. Isso não é tão estranho de se pensar, já que, ao desenvolver jogos para PC e Xbox significa que a equipe não terá que garantir que seu jogo se adapte ao hardware do PlayStation, embora Todd Howard não mencione especificamente o console da Sony na declaração.

“O hardware definitivamente nos ajuda a fazer muitas coisas com carregamento e fidelidade. Mas, você sabe, fidelidade gráfica é fidelidade gráfica. Não quero dar a impressão de que a fidelidade gráfica é uma barreira, sabe o que quero dizer?” e ele continua, “É realmente uma questão de foco, é o que eu diria. É bom colocar a meta alta, obviamente, mas é muito bom ser capaz de focar e dizer que ‘isso é o que estamos criando, e aqui está a barreira’. Muitas vezes, isso é guiado apenas pelo momento em que você está e o hardware estão. Temos muita sorte de conseguir definir a meta muito, muito alta.”

A forma como isso foi dito por Todd Howard, ao mencionar o desenvolvimento dos jogos definitivamente cria expectativas bastante altas para Starfield, visto que ainda não vimos nenhuma imagem do jogo em si. Mas, além dos recursos de hardware (e uma grande quantia de dinheiro), a parceria com a Microsoft para Howard é mais do que um apenas jogo sci-fi grandioso.

-- Publicidade --

“Desde (The Elder Scrolls III) Morrowind, todos os jogos que fizemos, tivemos uma parceria muito profunda e desenvolvemos tecnologia juntos, entre outras coisas. Pensamos muito sobre onde gostaríamos de chegar e conversamos por um longo tempo com a Microsoft sobre o potencial de fazer algo assim. Realmente amamos suas plataformas e as pessoas lá. Temos muitas profundas amizades. E no final, acho que isso vai nos permitir fazer o melhor que já fizemos.”

Todd Howard e o relacionamento com a Microsoft

A estratégia de mídia do Xbox, incluindo os lançamentos do primeiro dia do Game Pass que também podem ser feitos através da nuvem, é parte do motivo de Todd Howard parecer satisfeito com a parceria Microsoft / Bethesda. “Acreditamos muito em todos os caminhos que o Xbox e a Microsoft estão tomando para levar os jogos para mais pessoas. Seja a integração com o PC, que é muito importante para nós, seja o streaming na nuvem e todas essas coisas. Portanto, acho que se trata de uma visão de longo prazo.”

Como resultado, o acordo Starfield só será lançado nos consoles domésticos da Microsoft e Todd Howard contou se tinha algumas reservas sobre ser efetivamente forçado a escolher um lado dessa maneira, respondendo de uma forma que coloca mais expectativas sobre os lançamentos futuros, apesar de, no fim, ainda não fechar as portas de forma definitiva para a Sony.

“’Escolher um lado’ o que significa… PlayStation? É isso que você quer dizer? Bem… um pouco. Você nunca quer deixar as pessoas de fora, certo? Mas, no final do dia, sua capacidade de se concentrar e dizer, ‘este é o jogo que eu quero fazer, essas são as plataformas nas quais eu quero fazê-lo’, e ser capaz de realmente me apoiar nelas vai melhorar produtos.”

Todd howard fala sobre o acordo da bethesda e microsoft | f1eb152b elderscrolls6 | married games notícias | bethesda, elder scrolls, microsoft, series s, starfield, todd howard, xbox, xbox one, xbox series x | todd howard
Talvez um dia a gente veja esse título

Levando tudo isso em consideração, a resposta dele quando foi perguntado se arrependerá de não ter mais jogos para o PlayStation é aquela que mais chama a atenção: “Bem, ainda estamos… Direi apenas que quero que todos tenham a habilidade jogar de alguma forma.” Se isso significa que Starfield, e o resto dos lançamentos futuros da Bethesda, como um distante Elder Scrolls VI, chegaram aos consoles da Sony, só o tempo dirá.

-- Publicidade --

Agora, conte aí nos comentários: Empolgado para Starfield? Triste por saber que ele será exclusivo da Microsoft? Esperanças de que seja uma exclusividade temporária? Aproveite para ler mais sobre os lançamentos de jogos no nosso site.

Fonte: Telegraph

Avatar of paulo fabris

Paulo Fabris é um jornalista, escritor, RPGista, gamer, cosplayer, nerd e fã de animes desde a época da TV Manchete.