Free Fire sai do virtual e estreia nas passarelas

A ação é fruto da parceria entre a Garena, o Santander Brasil e o SPFW

Presente na vida dos fãs de diferentes formas, as skins do Free Fire inspiraram roupas reais e foram para a passarela da edição N52 do São Paulo Fashion Week. A coleção faz parte de uma parceria entre a Garena, o SPFW e o Santander Brasil, Banco da Moda, e aconteceu no dia 17 de novembro nas passarelas do evento. O desfile pode ser visto pelas redes sociais do SPFW e aqui:

Será a primeira vez que o mundo dos games e o mundo da moda se unem e se apresentam em uma semana de moda internacional. A iniciativa conecta duas das maiores e mais promissoras atividades do empreendedorismo: Games, a que mais cria e uma das que mais cresce, e Moda, a que mais se reinventa.
 
A Garena selecionou 20 skins para representar o universo de Free Fire nas passarelas e marcar ainda mais a edição do SPFW que volta aos desfiles presenciais, após quase dois anos de apresentações exclusivamente online. As skins escolhidas foram adaptadas e materializadas em looks criados pelo stylist Daniel Ueda, em conjunto com o estilista Alexandre Herchcovitch.

Free fire sai do virtual e vai para o spfw
Free Fire sai do virtual e vai para o SPFW

Free Fire sai do virtual e estreia nas passarelas

Entre as skins selecionadas estão: Sakura; Hip Hop; Kit Angelical; Hypado; Sombra Roxa; Rolezeiro; Gola Alta; T.R.A.P. Zika e Brabo; T.R.A.P. Chavosa e Chavoso; Coração Urbano; Mano Milgrau; Calça Angelical; Gatitude; Loucura Rebelde; e Espírito Púrpura. E para tornar a coleção o mais fiel possível ao virtual, os designers buscaram materiais como malha e moletom, somado a inovações como peles fakes e telas tecnológicas vazadas.
 
 Ao criar a ação, o desejo era de que a parceria pudesse gerar identificação e trazer o universo de Free Fire ainda mais presente na vida da sua comunidade. Além disso, a expectativa é de as skins impressionem ainda mais ao serem vistas na passarela da semana da moda.
 
 “Poder ver a releitura das skins de Free Fire desfilando na passarela do mais prestigiado evento de moda do Brasil, o SPFW, é algo incrível para os jogadores de Free Fire, para mim e para o time da Garena. É um momento de muito orgulho ver o quão longe o Free Fire foi e pode chegar, rompendo a barreira do digital e transcendendo para o real, mostrando que o jogo virou estilo, que o jogo virou moda. ” afirma Fernando Mazza, head de operações da Garena no Brasil.

Free fire sai do virtual e vai para o spfw
Free Fire sai do virtual e vai para o SPFW

“Já somos conhecidos como o Banco que trabalha e apoia a moda, após esses 5 anos de parceria com a SPFW. E neste ano entramos nos esportes eletrônicos com a ambição de ser também o banco que oferece soluções e auxilia as pessoas que trabalham, empreendem e se divertem no mundo gamer”, afirma Igor Puga, diretor de Marca e Marketing do Santander Brasil.
 
 “O mundo da moda e dos esports é um lugar de muita diversidade, inovação e inquietude. O Santander possui autoridade nestes mercados e entende a real semelhança de valores entre ambos. Esse casamento entre o Free Fire e o SPFW foi o que viabilizou não só a virtualização da moda nos games, mas a materialização física das skins renomadas no jogo mais popular do país, na semana de moda mais tradicional do Brasil”, conclui.
 
 Para dar vida às skins dos personagens, o Santander e o SPFW convidaram o stylist Daniel Ueda. Um time de modelos profissionais, incluindo Isabeli Fontana, e gamers, foi cuidadosamente escolhido para representar na passarela os personagens que tanto significam para esta nova geração, abrindo uma nova gama de negócios e relações.

Free fire sai do virtual e estreia nas passarelas | 2c4baa61 imagem 2021 11 13 095435 | married games notícias | android, battle royale, free fire, garena, ios, mobile, multiplayer | free fire sai do virtual
Free Fire sai do virtual e vai para o SPFW

“O meu maior desafio aqui, foi tirar o projeto do universo dos games e levar para o da moda. Precisei me inteirar muito do mundo gamer, e para mim está sendo maravilhoso, pois é mais uma porta que se abre, com muita força e energia. Esse processo de criação foi desafiador e incrível ao mesmo tempo.”; afirma Ueda, que trabalhou em conjunto com o estilista Alexandre Herchcovitch na criação dos looks.
 
Ainda pensando nessa nova interação entre o virtual e o real, o Santander e a Garena também criaram uma skin especial, que poderá ser resgatada dentro do Free Fire por clientes do Banco.

-- Publicidade --

Para mais informações de Free Fire, acompanhe as redes sociais da Garena no Facebook, Instagram, Twitter e TikTok. Free Fire pode ser baixado pela App Store e Google PlayStore. Fale conosco nos comentários e diga se curtiu essa novidade e aproveite para ler mais notícias no nosso site.

Avatar of paulo fabris

Paulo Fabris é um jornalista, escritor, RPGista, gamer, cosplayer, nerd e fã de animes desde a época da TV Manchete.