Leakers Vazam Render do Soquete AM5 da AMD

Leakers vazam renders do Soquete AM5 da AMD e imagens da ExecutableFix mostram as novidades da CPU que virá em 2022

Soquete am5 da amd
Créditos: @ ExecutableFix

Renders do soquete do processador AM5 da próxima geração da AMD, que será o padrão dos processadores da AMD para desktops em 2022, foram publicadas pela ExecutableFix. As imagens mostram um soquete de retenção semelhante ao soquete LGA (Land Grid Array) padrão da Intel.

A plataforma AMD AM5 trará uma série de novos recursos e também levará o mais recente soquete LGA 1718, projetado para suportar a próxima geração de CPU para desktop da Ryzen. As imagens deste novo soquete foram postadas pelo mesmo site que também foi o primeiro a revelar o dissipador de calor integrado (IHS) e o design do pacote das CPUs (apelidadas pela empresa de ‘Raphael’) para desktop equipadas com Zen 4 que estão previstas para serem lançadas em 2022.

Olhando para as imagens, podemos ver que o design de retenção para o soquete AM5 ‘LGA 1718’ é muito semelhante aos soquetes de processadores existentes da Intel. O soquete tem uma única trava e já se foi os dias de preocupação com os pinos sob seus preciosos processadores. A próxima geração de CPUs Ryzen terá um pacote de land grid array e os pinos serão apresentados no próprio soquete que fará contato com as almofadas LGA sob o processador.

Como as imagens revelam, as CPUs AMD Ryzen ‘Raphael’ Desktop terão um formato quadrado perfeito (45x45mm), mas virão um dissipador de calor integrado (IHS) muito robusto. O raciocínio específico por trás disso é tão denso que chega a ser desconhecido por todos, mas poderia ser o de equilibrar a carga térmica em vários chips ou algum propósito totalmente diferente. Os lados são semelhantes ao IHS apresentado na linha Intel Core-X de CPUs HEDT.

-- Publicidade --

Não podemos dizer se as duas partições de cada lado são recortes ou meros reflexos do render, mas no caso de serem recortes, podemos esperar que a solução térmica foi projetada para liberar o ar, mas isso significaria aquele ar quente seria soprado para os circuitos VRMs das placas-mãe ou ficaria preso dentro desta câmara central. Sem saber destas informações, resta esperar e ver o design final do chip. Lembrando que esta é uma imagem não oficial, então o design final pode acabar muito diferente.

Leakers vazam render do soquete am5 da amd | ccaab29e render1 | married games notícias | amd, cpu, intel, processador, tecnologia | soquete am5 da amd
Créditos: @ ExecutableFix

Sobre os processadores ‘Raphael’ Ryzen ‘Zen 4’ para Desktop da AMD e o Soquete AM5 da AMD

Os processadores Ryzen da AMD para desktops de próxima geração são baseadas no Zen 4 e terão o codinome ‘Raphael’ e substituirão as CPUs Ryzen 5000 Desktop baseadas no Zen 3,0 que têm o codinome ‘Vermeer’. A partir das informações que temos atualmente, os processadores ‘Raphael’ serão baseadas na arquitetura de núcleo Zen 4 de 5 nm e contará com matrizes de E/S de 6 nm em um design de chip. A AMD sugeriu aumentar a contagem de núcleos de suas CPUs para desktop padrão de próxima geração, então podemos esperar um ligeiro salto do máximo atual de 16 núcleos e 32 threads.

Há rumores de que a nova arquitetura Zen 4 oferece até 25% de ganho IPC em relação ao Zen 3 e atinge velocidades de clock de cerca de 5 GHz. Segundo a CEO da AMD, Dra. Lisa Su em uma entrevista dada a Anandtech:

‘Mark, Mike e as equipes fizeram um trabalho fenomenal. Estamos tão bem quanto estamos com o produto hoje, mas com nossos roteiros ambiciosos, estamos nos concentrando no Zen 4 e no Zen 5 para serem extremamente competitivos.

‘Haverá mais contagens principais no futuro – eu não diria que esses são os limites! Ele virá conforme escalarmos o resto do sistema. ‘

-- Publicidade --
Leakers vazam render do soquete am5 da amd | e1ec081d render6 | married games notícias | amd, cpu, intel, processador, tecnologia | soquete am5 da amd
Créditos: @ ExecutableFix

Já Rick Bergman EVP da AMD, em uma declaração para a site The Street, falou sobre a próxima geração de núcelos Zen 4 dos processadores Ryzen da AMD:

Pergunta: Quanto dos ganhos de desempenho entregues pelas CPUs Zen 4 da AMD, que devem usar um processo TSMC de 5 nm e podem chegar no início de 2022, virá de ganhos de instruções por clock (IPC) em oposição à contagem de núcleos e aumentos de velocidade de clock.

Bergman: “[Dada] a maturidade da arquitetura x86 agora, a resposta deve ser, mais ou menos, todas as opções acima. Se você olhou nosso documento técnico sobre Zen 3, foi essa longa lista de coisas que fizemos para obter 19% [ganho de IPC]. O Zen 4 terá uma longa lista semelhante de coisas, onde você olha para tudo, desde os caches até a previsão do branch, [até] o número de portas no pipeline de execução. Tudo é examinado para extrair mais desempenho.

Certamente, o processo [de fabricação] abre uma porta adicional para que possamos [obter] melhor desempenho por watt e assim por diante, e também aproveitaremos isso”.

No momento, não há mais informações oficiais sobre estes processadores, então, resta esperar o seu lançamento. Deixe nos comentários o que você achou sobre essa nova linha e quais suas expectativas para este lançamento. Aproveite para ler mais sobre Tecnologia no nosso site.

-- Publicidade --

Fonte: WCCFTech

Avatar of paulo fabris

Paulo Fabris é um jornalista, escritor, RPGista, gamer, cosplayer, nerd e fã de animes desde a época da TV Manchete.