Pesquisar
Close this search box.

GameMaker Language: O Poder da Linguagem de Programação no GameMaker Studio 2

Saiba mais sobre a GameMaker Language, o coração da GameMaker 2

No mundo do desenvolvimento de jogos, as ferramentas que os criadores utilizam são tão importantes quanto a sua imaginação.

Uma das plataformas mais reverenciadas nesse contexto é o GameMaker Studio 2 (site oficial), uma engine para criar jogos conhecida por sua interface amigável e por oferecer uma vasta gama de possibilidades aos desenvolvedores.

Essa engine se destaca por permitir que até mesmo os iniciantes entrem no mundo do desenvolvimento de jogos de maneira suave e eficaz.

No entanto, o verdadeiro coração por trás da capacidade do GameMaker Studio 2 está na sua linguagem de programação e que coloca ela entre as melhores engines de jogos é a GML, ou GameMaker Language.

A GML, uma linguagem de programação projetada especificamente para simplificar o processo de criação de jogos.

A GML oferece uma curva de aprendizado acessível, mas, ao mesmo tempo, capacidades poderosas para a criação de jogos complexos. Vamos falar um pouco sobre a GML e o que você pode fazer com ela e, se ficar com dúvidas, é só deixar nos comentários.

O que é a GameMaker Language?

A GML (GameMaker Language) é uma linguagem de programação projetada especificamente para o GameMaker Studio, uma engine de desenvolvimento de jogos. Ela é uma linguagem interpretada e de alto nível, com uma sintaxe semelhante a linguagens como C e JavaScript.

Criada pela YoYo Games, a GML foi desenvolvida para simplificar o processo de criação de jogos, oferecendo uma curva de aprendizado acessível para iniciantes enquanto mantém recursos poderosos para desenvolvedores experientes.

Essa linguagem foi concebida para permitir uma codificação mais eficiente e intuitiva, permitindo que os desenvolvedores se concentrem na lógica do jogo em vez de se preocuparem com a complexidade da programação.

A GML permite a criação de uma ampla gama de mecânicas de jogos, desde movimentos simples até sistemas avançados de física e inteligência artificial, oferecendo flexibilidade para transformar as ideias dos desenvolvedores em experiências interativas e imersivas para os jogadores.

Facilidade de Uso e Eficiência na Programação

Uma das características mais notáveis da GML é sua versatilidade. Ela permite aos desenvolvedores criar uma ampla gama de mecânicas de jogos, desde movimentos simples até sistemas de física avançada e inteligência artificial sofisticada.

Seja para criar um jogo de plataforma simples ou um RPG elaborado, a GML oferece as ferramentas necessárias para transformar a visão do desenvolvedor em realidade.

A GML foi concebida para simplificar a programação sem comprometer o poder e a flexibilidade. Sua sintaxe intuitiva torna mais fácil para os novatos entenderem os conceitos básicos de programação, enquanto sua estrutura lógica permite que programadores experientes explorem técnicas mais avançadas sem limitações.

Além disso, o GameMaker Studio 2 oferece uma interface que integra perfeitamente a GML. A capacidade de visualizar o código e suas interações com outros elementos do jogo na interface facilita o processo de desenvolvimento e depuração, tornando-o mais eficiente e produtivo.

Exemplo de Codificação

A GameMaker Language (GML) é a linguagem de programação usada no GameMaker Studio, uma plataforma popular para o desenvolvimento de jogos. Ela é projetada para ser acessível a iniciantes, mas também poderosa o suficiente para desenvolvedores mais avançados. Aqui estão alguns exemplos básicos de uso da GML para te ajudar a começar:

1. Exibindo um Texto na Tela

Para desenhar um texto na tela, você pode usar a função draw_text dentro de um evento Draw de um objeto. Por exemplo, para exibir “Olá, Mundo!” na posição (100, 100) da tela:

gml draw_text(100, 100, “Olá, Mundo!”);

2. Movimentação Básica

Para mover um objeto, você pode ajustar suas variáveis x e y diretamente. Aqui está um exemplo de como mover um objeto para a direita quando a tecla direcional direita é pressionada:

gml if (keyboard_check(vk_right)) { x += 5; }

3. Criando Objetos

Você pode criar novos objetos em uma posição específica com a função instance_create_layer. Por exemplo, para criar uma instância do objeto obj_Bala na posição (x, y) do objeto atual no layer “Instances”:

gml instance_create_layer(x, y, “Instances”, obj_Bala);

4. Detectando Colisões

Para verificar se o objeto colidiu com outro objeto, você pode usar a função place_meeting. Aqui está como você poderia verificar se há uma colisão com o objeto obj_Inimigo na posição atual:

gml if (place_meeting(x, y, obj_Inimigo)) { // Código para executar após a colisão }

5. Controlando Animações

Para controlar as animações, você pode modificar a variável image_index e definir a velocidade da animação com image_speed. Por exemplo, para parar a animação:

gml image_speed = 0;

E para definir a animação para o segundo quadro:

gml image_index = 1;

Esses exemplos cobrem alguns dos conceitos básicos da GML. Com o tempo, você poderá criar lógicas de jogo mais complexas combinando e expandindo essas ideias básicas. Experimente com esses códigos e ajuste-os conforme necessário para se familiarizar com a GameMaker Language!

Deixa eu te contar uma coisa antes de continuarmos

Você já sonhou em transformar seu amor por videogames em mais do que apenas um hobby?

Nossa SUPER-AULA ao vivo e exclusiva é o mapa do tesouro que você estava procurando! 

No dia 21 de março (quinta-feira), às 19h, no Studio Married Games, revelaremos não apenas os fundamentos do desenvolvimento de jogos, mas também como você pode superar obstáculos técnicos e iniciar seus projetos com confiança e criatividade.

Esta é sua oportunidade de aprender com os melhores na área, ganhar insights valiosos e começar a trilhar seu caminho em direção a uma carreira dos sonhos no universo dos jogos. A paixão já está aí, agora é hora de dar poder a ela.

Não deixe escapar essa chance de fazer história no mundo dos jogos. 

Inscreva-se agora e transforme essa possibilidade em realidade.

Estamos te esperando! 🌌

Sistema de Criação e Movimento Aleatório

Vamos incrementar um pouco e criar um exemplo que envolve loops, controles mais avançados e algumas operações matemáticas para um efeito interessante em GameMaker Studio. Neste exemplo, vamos fazer um sistema que cria múltiplos objetos em posições aleatórias na tela e os move em direções aleatórias. Esse tipo de lógica pode ser útil para criar efeitos de partículas, inimigos com movimentação aleatória, ou mesmo para distribuir itens pelo cenário.

Objetivo: Criar n instâncias de um objeto obj_Partícula em posições aleatórias na tela, cada uma movendo-se em uma direção aleatória.

Passo 1: Criar os Objetos

Primeiro, certifique-se de ter um objeto chamado obj_Partícula, que será o objeto que queremos criar várias instâncias.

Passo 2: Código no Objeto Controlador

Em um objeto controlador (por exemplo, obj_Controlador), no evento Create, adicione o seguinte código para criar várias instâncias de obj_Partícula em posições aleatórias, com direções e velocidades aleatórias:

gml var n = 10; // Número de partículas a serem criadas for (var i = 0; i < n; i++) { var nova_particula = instance_create_layer(random(room_width), random(room_height), “Instances”, obj_Partícula); nova_particula.speed = random_range(2, 5); // Velocidade aleatória entre 2 e 5 nova_particula.direction = random(360); // Direção aleatória entre 0 e 360 graus }

Passo 3: Adicionar Movimento ao obj_Partícula

No objeto obj_Partícula, você não precisa adicionar código para o movimento se você já definiu speed e direction como mostrado acima, pois o GameMaker automaticamente move o objeto baseado nessas propriedades. Porém, podemos adicionar uma lógica para que, quando a partícula sair da tela, ela seja destruída ou reapareça do lado oposto, criando um efeito de “loop” na tela.
Para destruir a partícula se sair da tela:

gml if (x < 0 || x > room_width || y < 0 || y > room_height) { instance_destroy(); }

Ou, para fazer com que reapareça do lado oposto:

gml if (x < 0) x = room_width; else if (x > room_width) x = 0; if (y < 0) y = room_height; else if (y > room_height) y = 0;

Este exemplo demonstra como usar loops para criar múltiplas instâncias de um objeto com propriedades aleatórias e aplicar lógicas básicas de movimento e controle de posição. Experimente com estes conceitos, ajustando valores e lógicas para ver como eles afetam o comportamento do seu jogo. A experimentação é uma parte crucial do aprendizado em desenvolvimento de jogos, então não hesite em modificar e expandir esses exemplos!

Aproveitando que estamos conversando, deixa eu te fazer um convite:

Imagine um lugar onde sua paixão por jogos se torna o alicerce de uma carreira empolgante. 

Esse lugar é a nossa Super-Aula ao vivo, exclusiva para entusiastas de jogos como você, que desejam dar o próximo grande passo. 

No dia 21 de março, às 19h, no Studio Married Games, vamos juntos descobrir como transformar ideias em realidade, superar qualquer desafio técnico e explorar ferramentas que farão seus projetos ganharem vida.

Se você está procurando um sinal para começar, este é ele. 

Junte-se a uma comunidade de criadores apaixonados e dê o primeiro passo em direção a uma carreira de sucesso no desenvolvimento de jogos. 

Seu futuro no mundo dos jogos começa com esta aula.

A aventura está apenas começando. Vamos nessa? 🎮🚀

Aumentando a Profundidade dos Jogos com a GML

A linguagem de programação GML é o cerne do poder do GameMaker Studio 2. Sua acessibilidade aliada à sua capacidade de criar jogos complexos torna esta plataforma a escolha perfeita para aspirantes a desenvolvedores e veteranos da indústria de jogos. Ao dominar a GML, os criadores podem transformar suas ideias em jogos vibrantes e cativantes.

A verdadeira magia da GML reside na capacidade de elevar a profundidade dos jogos. Com ela, os desenvolvedores podem criar sistemas complexos de inventário, mecânicas de combate intricadas, inteligência artificial para NPCs e até mesmo procedimentos para geração de níveis dinâmicos. Essa flexibilidade permite que os jogos desenvolvidos no GameMaker Studio 2 sejam tão simples ou tão complexos quanto desejado pelo criador.

Colocando o sprite na tela
Colocando o Sprite na tela

A GML – Um Pilar do GameMaker Studio 2

A GML é mais do que apenas uma linguagem de programação; é uma comunidade. O suporte e os recursos disponíveis para os desenvolvedores que utilizam a GML são vastos. Fóruns online, tutoriais, documentação extensiva e uma comunidade ativa de usuários ajudam a encurtar a curva de aprendizado e oferecem soluções para desafios comuns enfrentados pelos desenvolvedores.

No fim das contas, a GML não é apenas um conjunto de comandos; é a linguagem que permite aos desenvolvedores dar vida aos seus mundos virtuais. É a ferramenta que transforma sonhos em realidade digital, oferecendo um caminho para a expressão criativa e a inovação dentro do vasto e fascinante mundo do desenvolvimento de jogos.

Quer Fazer um Jogo em GameMaker Agora Mesmo?

Pronto para dominar a arte de criar jogos? Junte-se a nós para desbloquear seu potencial criativo! Inscreva-se agora e mergulhe em um curso abrangente que ensina Unity, Unreal, GameMaker e mais. Não perca a chance de transformar sua paixão por jogos em habilidades reais. Deixe seu contato e comece sua jornada no mundo do desenvolvimento de jogos hoje mesmo.

No dia 21 de março, às 19h, no Studio Married Games, vamos juntos descobrir como transformar ideias em realidade, superar qualquer desafio técnico e explorar ferramentas que farão seus projetos ganharem vida.

Se você está procurando um sinal para começar, este é ele. 

Junte-se a uma comunidade de criadores apaixonados e dê o primeiro passo em direção a uma carreira de sucesso no desenvolvimento de jogos. 

Pronto para mergulhar mais fundo? Existem cursos incríveis que podem te guiar através de cada etapa do processo de desenvolvimento de jogos. Clique aqui para conhecer o Curso do Studio Married Games que pode transformar você de um entusiasta em um desenvolvedor de jogos profissional!

Inventar um jogo é um processo técnico, mas também criativo e extremamente gratificante. Com as ferramentas e estratégias certas, sua visão pode se tornar um jogo que as pessoas ao redor do mundo adorarão jogar. Mãos à obra e bom desenvolvimento!

A indústria de jogos oferece uma ampla gama de oportunidades de carreira e é um setor em constante crescimento. Ser um desenvolvedor de jogos requer habilidades e conhecimentos específicos, mas também oferece a oportunidade de trabalhar em projetos criativos e inovadores.

Fazer um curso de desenvolvimento de jogos pode ser benéfico para quem deseja seguir uma carreira nessa área, fornecendo as habilidades e conhecimentos necessários para se destacar no mercado.

É importante se manter atualizado com as últimas tendências e tecnologias da indústria para avançar na carreira de desenvolvimento de jogos. Com o avanço da tecnologia e o aumento do número de jogadores, o futuro da indústria de jogos é promissor e oferece muitas oportunidades de carreira emocionantes.

FAQ Rápido

O GameMaker é gratuito?

O GameMaker oferece uma versão de avaliação gratuita com limitações de recursos. Para acesso completo a todos os recursos e exportação para todas as plataformas, é necessária uma licença paga, que pode variar dependendo das necessidades do desenvolvedor.

Quais são as principais características do GameMaker Studio 2?

O GameMaker Studio 2 é a versão mais recente, oferecendo uma interface mais refinada, aprimoramentos na GML, editor de imagem embutido, suporte a jogos 3D, exportação multiplataforma abrangente e ferramentas avançadas de otimização.

Quais tipos de jogos podem ser criados com o GameMaker?

O GameMaker é conhecido por sua versatilidade na criação de uma variedade de gêneros de jogos, incluindo plataformas, RPGs, quebra-cabeças, jogos de ação, entre outros. Sua flexibilidade permite a criação de jogos para diversas plataformas.

O que é o GameMaker?

O GameMaker é uma poderosa engine de criação de jogos que permite aos desenvolvedores criar jogos 2D e, em versões mais recentes, também jogos 3D. Ele oferece um ambiente intuitivo e uma linguagem de programação, a GML (GameMaker Language), para criar jogos de maneira eficiente.

Fale conosco nos comentários e diga oque achou dessa matéria e aproveite para ler mais notícias e matérias, como por exemplo, sobre Motivos para usar a Unity, no nosso site.

Aprenda como criar níveis envolventes em jogos
Descubra as principais Técnicas de Storytelling em Jogos
Entenda mais sobre como Fazer o Design de Personagens para Jogos 2D
Explore as Principais Formas de Monetização para Jogos e descubra a que melhor se encaixa no seu negócio
já parou para pensar em Tecnologias de Captura de Movimento para Jogos na hora de desenvolver seus games?
Aprenda a fazer Uso de Blockchain em Jogos para coisas além de NFTs