Call of Duty: Conheça tudo sobre Alex Mason

O capitão Alex Mason é um agente da CIA e capitão da Força de Reconhecimento da Marinha. Ele é o protagonista principal e o personagem principal jogável em Call of Duty: Black Ops. Ele retorna como um coadjuvante em Call of Duty: Black Ops II como o personagem principal jogável para as missões dos anos 1980 (excluindo Suffer With Me). Ele também aparece como um NPC em Black Ops DS e como um personagem jogável em Call of Duty: Black Ops: Declassified. Em Call of Duty: Black Ops 4 , ele é um dos quatro arquétipos trazidos de volta à vida, possivelmente devido aos esforços do Projeto Blackout. Mais tarde, ele retorna como um protagonista coadjuvante em Call of Duty: Black Ops Cold War.

Alex Mason está sendo cogitado para ser o novo operador da sexta e ultima temporada de Black Ops Cold War e, visando isso, decidimos traduzir a matéria de Call of Duty Wiki, para que os fãs brasileiros de CoD possam saber mais a respeito da vida seus personagens favoritos, como de Alex Mason. Se quiser saber mais sobre outros personagens, entrem no site deles e confira tudo sobre a franquia.

Call of duty: conheça tudo sobre alex mason
Call of Duty: Conheça tudo sobre Alex Mason

Biografia

Vida de Alex Mason

Alex nasceu em 3 de junho de 1933, em Fairbanks, Alasca. A proximidade geográfica de seu estado natal com a Rússia comunista trouxe a ameaça da Guerra Fria muito mais perto de sua porta do que a maioria dos americanos. Este foi um contribuidor chave para seus fervorosos ideais anticomunistas e eventualmente o levou a ingressar na Marinha.

Ele passou sua juventude caçando alces e ursos pardos no deserto do Alasca com seu pai, um veterano da Segunda Guerra Mundial e ganhador do Coração Púrpura por ferimentos recebidos durante a ação no Atol Makin . Como tal, ele é adepto de ambientes de clima frio e é um excelente atirador de elite. Aos 20 anos, ele se tornou o mais jovem vencedor da Copa de Wimbledon na história da competição de tiro ao alvo.

Carreira militar

No início dos anos 1950, Alex Mason serviu como soldado de infantaria e mais tarde como fuzileiro naval da Força de Reconhecimento na Coréia do Sul.

-- Publicidade --

Em 1958, foi recrutado para a SAD / SOG após um período exemplar de serviço na Marinha. Tendo servido com distinção desde que ingressou na Agência, Alex Mason tem uma amizade de longa data com muitos de seus colegas colegas da Agência e mostra um parentesco particular com um agente chamado Frank Woods . Sempre ansiosa para agir, a tendência de Mason para a impulsividade é o único traço que pode não ter sido completamente “treinado para fora dele”. No entanto, Woods estava bem ciente disso e sabe exatamente quando e como controlá-lo.

Missões memoráveis de Alex Mason

Call of duty: conheça tudo sobre alex mason
Call of Duty: Conheça tudo sobre Alex Mason

A Invasão da Baía dos Porcos

Em 1961, Mason era membro de um esquadrão de assassinato da CIA conhecido como Operação 40. Alex Mason e outros membros da Operação 40, Joseph Bowman e Frank Woods, se infiltraram em Cuba antes da Invasão da Baía dos Porcos para levar a cabo a Operação Zapata , que foi o assassinato de Fidel Castro. 

Usando a distração que foi causada pela invasão da Baía dos Porcos, Mason, Bowman e Woods invadiram um complexo onde Castro estava supostamente morando. Mason e Woods encontraram o dublê de Castro (desconhecido por Mason e Woods na época) com uma amante em seu quarto. Mason matou o sósia de Castro.

Durante a fuga, as forças militares cubanas rapidamente mudaram o jogo contra os rebeldes cubanos que apoiavam os EUA e invadiram o campo de aviação onde o avião de fuga da Op 40 está localizado. Enquanto Alex Mason, Bowman e Woods chegavam ao avião, Mason saltou antes da decolagem para limpar a pista dos veículos militares cubanos. Mason foi subjugado e capturado pelas tropas cubanas. Recuperando a consciência, ele viu Fidel Castro, vivo e bem, entregar Mason ao ex-general soviético Nikita Dragovich como um “presente de sua nova aliança”.

Prisão em Vorkuta

Alex Mason foi transportado para um campo de trabalho soviético em Vorkuta, Rússia. Lá, Dragovich fez uma lavagem cerebral em Friedrich Steiner e Lev Kravchenko. Mason foi implantado com o conhecimento para interpretar as transmissões de saída da estação de números de Dragovich e também foi programado para se tornar um agente adormecido soviético com o objetivo principal de assassinar o então presidente dos Estados Unidos John F. Kennedy . Embora a força de vontade de Mason resistisse à programação, eles finalmente conseguiram. No entanto, Viktor Reznov, um ex-herói do Exército Vermelho que foi traído por Dragovich e seu subalterno Coronel Lev Kravchenko, sabotou com sucesso a lavagem cerebral de Alex Mason, programando-o para matar Steiner, Kravchenko e Dragovich a fim de vingar a morte de Dimitri Petrenko.

-- Publicidade --

Fuga de Vorkuta

Call of duty: conheça tudo sobre alex mason
Call of Duty: Conheça tudo sobre Alex Mason

Segundo o relato de Mason, foi de seis a sete semanas após sua chegada a Vorkuta que ele foi lançado no mercado de trabalho. Lá, não demorou muito para ele entrar em confronto com os prisioneiros que são leais a Reznov. As lutas tiveram Mason e Reznov cada um mês de confinamento solitário, que ambos se tornaram amigos rapidamente. Algum tempo depois, Mason e Reznov começaram a planejar sua fuga de Vorkuta. Em 6 de outubro de 1963, os prisioneiros de Vorkuta iniciaram um motim e saíram das minas e a fuga começou. Mason escapou de volta para os EUA enquanto Reznov morreu ajudando-o a escapar. Mason não sabia que havia sofrido uma lavagem cerebral.

O assassinato de Kennedy

Cinco dias após a Operação Flashpoint, em 22 de novembro de 1963, o presidente Kennedy foi assassinado. Depois que Mason escapou de seu interrogatório em 1968, ele tem flashbacks sugerindo que foi ele quem atirou no presidente ou que simplesmente estava envolvido no assassinato. Em um ponto, ele diz “Prossiga… para… alvo! Oswald… comprometido!” Isso provavelmente se refere ao homem que supostamente atirou no presidente Kennedy: Lee Harvey Oswald, que era um suposto desertor soviético. 

Quando Mason fixa Dragovich a bordo da estação de números, Mason grita com Dragovich “Você tentou me fazer matar meu próprio presidente!” que Dragovich sorri e responde em tom de zombaria, “TENTATIVA ?!” sugerindo que a programação russa funcionou. Também, imagens da chegada de Kennedy em Dallas, Texas, antes do assassinato, mostraram que Mason estava no meio da multidão de curiosos que assistiu Kennedy desembarcar do Força Aérea Um em Lovefield. 

Mason narra sobre esta filmagem dizendo coisas relacionadas ao assassinato, como “11-22” (22 de novembro, a data do tiroteio), “Texas”, o estado em que o assassinato ocorreu e “6,5 milímetros” (Referindo-se ao calibre das balas que supostamente são disparadas por Lee Harvey Oswald para matar Kennedy).

No entanto, em 1989 , quando Mason está conversando com Mark McKnight , McKnight pergunta sobre sua lavagem cerebral e Mason menciona que os soviéticos “deram o seu melhor”, então é possível que ele não estivesse envolvido no assassinato de Kennedy e sua programação falhou ou sugere que ele não se lembra do que aconteceu devido à sua programação para que Dragovich pudesse fazer com que Mason realizasse mais missões.

-- Publicidade --
Call of Duty: Conheça tudo sobre Alex Mason

Mais sobre Call of Duty

Call of Duty (frequentemente abreviado como CoD) é uma série de jogos eletrônicos de guerra, ação e tiro em primeira pessoa publicado pela Activision e desenvolvida pela Infinity Ward, pela Sledgehammer Game Studio e pela Treyarch, com as empresas se revezando a cada lançamento. O primeiro título da série começou no computador, mais tarde expandindo-se para os vários tipos de consoles. Também foram lançados vários jogos spin-off. Os primeiros títulos da série se concentraram em jogos ambientados na Segunda Guerra Mundial, apresentando batalhas e acontecimentos históricos daquele período. Com o tempo, a série viu jogos ambientados na Guerra Fria, em tempos atuais, mundos futuristas até o espaço sideral.

Os jogos da série Call of Duty são publicados e propriedade da Activision. Enquanto que o estúdio Infinity Ward ainda é o principal produtor, a Treyarch também já produziu alguns títulos onde a história está interligada entre eles. Alguns jogos já foram produzidos pela Gray Matter Interactive, Nokia, Exakt Entertainment, Spark Unlimited, Amaze Entertainment, n-Space, Aspyr, Rebellion Developments, Ideaworks Game Studio, Sledgehammer Games e nStigate Games. Os jogos usam vários motores incluindo id Tech 3, o Treyarch NGL e o IW 5.0.

Em janeiro de 2016, já tinham sido vendidas mais de 250 milhões de cópias de jogos Call of Duty. Em particular, Call of Duty: Black Ops é o jogo mais vendido da série, com um total de 30.5 milhões de cópias vendidas. De acordo com a Activision, as vendas dos jogos Call of Duty já ultrapassaram os US$15 bilhões.

Outros produtos da série incluem figuras criadas pela Plan-B Toys, um jogo de cartas da Upper Deck Company, Mega bloks pela Mega Brands e uma mini-série de banda desenhada publicada pela WildStorm Productions. Em Novembro de 2015 a Activision Blizzard anunciou uma nova divisão, a Activision Blizzard Studios, focada na criação de filmes e séries televisivas originais incluindo “uma série de filmes Call of Duty com a possibilidade de existirem adaptações televisivas.” Em 2014 a Guiness World Records considerou Call of Duty a melhor série de jogos de todos os tempos, à frente de outras muito populares como Grand Theft Auto, Pokémon, Halo, Super Mario Bros. e The Elder Scrolls.

Via: Call of Duty Wiki/Wikipédia

-- Publicidade --
Avatar of rafael meireles

Jornalista, 23 anos e fascinado por FPS. Poucas coisas na vida de Rafael o fazem tão bem quanto escrever e jogar videogames. Futebol e música também têm parcelas de seu coração.