quinta-feira, julho 18, 2019
contato@marriedgames.com.br
Análises

Darksiders II – Deathnitive Edition – Review

Uma versão atualizada de uma boa aventura

                Darksiders 2: Deathinitive Edition é uma remasterização para PC, Xbox One e PS4 do jogo Darksiders 2.

Sobre o Remaster

screenshot01 before tnvk 1024x576 - Darksiders II - Deathnitive Edition - Review

                O subtítulo do game é uma brincadeira em inglês com “Edição Definitiva”. Ela contém todos os DLCs e pequenas melhorias gráficas, dentre delas a possibilidade de rodar o jogo em Full HD 1080 a 60 frames por segundo

                O jogo cuida para trazer ainda mais beleza para os gráficos já belos do jogo melhorando partes e aproveitando tudo que a atual geração pode proporcionar ao titulo. Acentuando as particularidades do jogo para melhorar a experiencia como um todo.

    

Sobre o Jogo

Darksiders II Deathinitive Edition 03 After 1024x576 - Darksiders II - Deathnitive Edition - Review

Continuando de onde Paramos

                Darksiders 2 continua imediatamente onde terminou o primeiro jogo. A história acontece depois que o mundo é devastado pelos cavaleiros do apocalipse. Parte integrante desses cavaleiros, Death, controlado pelo jogador, sai em uma missão para inocentar o seu irmão “War”. Com todas as almas dos humanos aprisionados, Death planeja também perpetuar o ciclo da vida e trazer os humanos de volta do mundo dos mortos.

                Guiado pelos criadores do mundo (os Makers), Death parte para cumprir uma série de missões. Apesar de parecer interessante, a história se perde em vários momentos e se apoia em “desculpas” para você cumprir mais missões.

                Ainda que a trama comece bem e depois recaia na mesmice, a ótima dublagem unida a uma trilha sonora excepcional dão o tom da aventura que transcorre sem problemas em torno de 30 horas de pura satisfação. O clima é é de uma longa jornada ao estilo God of War ou Devil May Cry

Bonito como um Quadrinho

                O estilo artístico do game parece uma mistura de HQ com gráficos tridimensionais. Lembra algo como Warcraft, porém muito mais sombrio.

                Por lembrar exatamente as primeiras versões 3D de Legend of Zelda, God of War, Darksiders 2: Deathinitive Edition cai facilmente no gosto de quem procura um bom jogo de “hack’n slash”. Você pode ceifar oponentes com combos, escalar paredes, chamar um cavalo para encurtar distâncias e muito mais.

Bem interessante nas Mecanicas

                    Qualquer um nota que o jogo se apoia em clichês e componentes bastante conhecidos dos jogos de ação. Por exemplo, ao notar uma clareira com um portal ao fundo, sabemos de imediato que um chefe gigante vai aparecer. As dungeons elaboradas com alguns puzzles seguidas por chefes são uma das partes mais divertidas de Darksiders 2.

                Outra parte que cativa, e muito, é explorar toda a árvore de evolução do personagem. A quantidade de habilidades para se desbloquear e itens para se equipar impressiona. A sensação de progressão do personagem é bastante eficiente e recompensador.

Data de lançamento inicial: 14 de agosto de 2012

Modo: Jogo eletrônico para um jogador

Plataformas: PlayStation 4, Xbox 360, PlayStation 3, Microsoft Windows, Xbox One, Wii U

Desenvolvedores: Vigil Games, THQ Nordic GmbH, Gunfire Games

Gêneros: RPG eletrônico de ação, Hack and slash

Estúdios: THQ, THQ Nordic GmbH

Falacomoflavio
Graduando de Marketing Digital, tentando ver as coisas sempre pelo maximo de lados o possível, colecionador de jogos antigos e novos

Deixe uma resposta

Você besta offline