Pesquisar
Close this search box.

Guia para iniciante no Blender: Saiba como e por onde começar

É iniciante no Blender? Aqui está o que você precisa saber para começar a usar este poderoso conjunto de criação 3D gratuito.

A modelagem 3D e a computação gráfica estão disparando em uso. Canais de conteúdo de todos os tipos dependem cada vez mais de animação, efeitos visuais, gráficos em movimento e VR . Design de jogos, impressão 3D, texturização, simulação de partículas, composição – você escolhe.

O conteúdo impulsiona o mercado eletrônico, que atinge quase todos os setores do mundo. E nesse mercado, conhecer bem como funciona o software gratuito Blender (página oficial) é, sem dúvidas, um diferencial.

Por ser gratuito, você não precisa se preocupar em como financiar seu período de aprendizado enquanto descobre como usar o software. Mas o Blender é mais do que apenas “ser gratuito”.

É uma ferramenta poderosa que pode ajudá-lo a criar renderizações profissionais, manipular objetos e é apoiada por uma comunidade poderosa e ativa de apoiadores que trabalham para melhorá-la constantemente.

Existem várias plataformas que você pode usar para começar em 3D, e uma das mais populares é o Blender. Vamos dar uma olhada no que é, o que pode fazer e o que você precisa saber para começar a usar este software popular e, se você ficar com dúvidas, é só deixar nos comentários.

É iniciante no Blender? O que você precisa saber

Vamos começar no início: O Blender é um conjunto de criação 3D gratuito e de código aberto. Se você está apenas começando a criar filmes de animação, efeitos visuais, arte, modelos impressos em 3D, gráficos em movimento, aplicativos 3D interativos, realidade virtual ou jogos de computador, provavelmente já leu algumas menções ao software.

As origens do Blender remontam a 1988, quando o diretor de arte e desenvolvedor de software Ton Roosendaal co-fundou o estúdio de animação holandês NeoGeo. O estúdio rapidamente se tornou uma das principais casas de animação europeias, e Ton decidiu que o sistema de animação interno era muito antigo e precisava ser totalmente reescrito. Esta reescrita, iniciada em 1995, estava destinada a se tornar o Blender com o seguinte objetivo em mente:

Esta versão inicial do Blender pretendia resolver uma frustração perene entre os criativos: quando um cliente difícil exige múltiplas alterações em um projeto, como implementar essas alterações sem problemas? Graças à sua abordagem altamente configurável, o Blender teve como objetivo fornecer uma resposta.

Avançando para a conferência SIGGRAPH no início de 2000, o Blender estreia como um sucesso estrondoso. Aproximadamente 5,1 milhões em capital de risco depois, e o Blender estava pronto para a corrida! Mais de vinte anos depois, ainda é uma potência e o software está cada vez melhor. Então, vamos revisar algumas coisas e explicar como usá-lo.

Como baixar o Blender e quais requisitos

Baixar o Blender é fácil. Basta acessar blender.org e clicar no link de download na parte superior da tela para baixar a versão mais recente. Escolha seu sistema operacional, clique no botão azul Download e salve o arquivo onde desejar em seu computador.

Assim que o download for concluído, navegue até o arquivo de instalação e clique duas vezes nele. Depois disso, basta seguir as instruções do software para instalá-lo. Se ficar com dúvidas, basta ver o nosso tutorial completo de instalação do Blender. Aqui estão os requisitos para o Blender.

Hardware (mínimo):

  • CPU dual core de 2 GHz de 64 bits com suporte SSE2
  • 4 GB de RAM
  • Tela 1280×768
  • Mouse, trackpad ou caneta+tablet
  • Placa gráfica com 1 GB de RAM, OpenGL 3.3

Hardware (recomendado):

  • CPU quad core de 64 bits
  • 16 GB de RAM
  • Tela Full HD
  • Mouse de três botões ou caneta + tablet
  • Placa gráfica com 4 GB de RAM

Hardware (ideal):

  • CPU de oito núcleos de 64 bits
  • 32 GB de RAM
  • Telas Full HD
  • Mouse de três botões e caneta+tablet
  • Placa gráfica com +12 GB de RAM

Requisitos da placa gráfica:

  • NVIDIA: GeForce 400 e mais recente, arquitetura de GPU Quadro Tesla e mais recente, incluindo placas baseadas em RTX, com drivers NVIDIA.
  • AMD: GCN 1ª geração e mais recentes. Como o Blender 2.91, a arquitetura Terascale 2 está totalmente obsoleta, tente usar 2.90 – embora não seja compatível, ainda pode funcionar.
  • Mac OS: Versão 10.13 ou mais recente para processadores Intel em hardware compatível. Versão 11.0 para processadores baseados em Arm (Apple Silicon).

Começando a Modelar

Uma das melhores maneiras de começar no Blender é com o clássico desafio de donut criado por Andrew Price (também conhecido como “Blender Guru”). Este desafio é uma maneira prática de conhecer o Blender e apresentará muitos dos elementos do programa. Também temos um tutorial incrível no nosso canal do Youtube sobre modelagem em Lowpoly.

Como iniciante, é importante que você leia as seções de comentários de tutoriais em vídeo como este porque as coisas podem mudar quando as atualizações forem lançadas, e os comentários geralmente abordarão essas mudanças. Depois de experimentar e passar por um exercício introdutório, há muito mais por aí para ajudar a desenvolver suas habilidades.

Você também precisará de modelos para seus projetos criativos no Blender, e achamos que um dos melhores lugares é o mais novo membro da família Shutterstock: TurboSquid. Você pode pesquisar um modelo específico, navegar por categoria ou filtrar por formato, qualidade e polycount.Você pode até baixar alguns modelos gratuitamente, apenas para começar.

TurboSquid é um recurso fantástico para modelagem 3D e recursos de computação gráfica. Foi fundada em 2000, muito antes de todo mundo falar sobre 3D e muito antes de existirem os destinos de conteúdo mais populares da internet.

TurboSquid tem mais de um milhão de modelos em vários formatos e estilos em sua biblioteca, todos feitos por criativos de todo o mundo – e novos artistas contribuem com trabalhos todos os dias. Você pode usar os ativos do TurboSquid diretamente em seus projetos ou simplesmente navegar no catálogo para se inspirar em seus próprios modelos.

Quais são os melhores cursos Blender?

Assistir a tutoriais e trabalhar em seus próprios projetos é uma maneira inteligente de aprender como usar o software. Como o Blender é de código aberto e gratuito, a comunidade que o utiliza é ativa no compartilhamento do que eles fizeram e como o fizeram.

Esse espírito de colaboração ajuda a fortalecer o espírito de competição que leva os artistas 3D a criar renderizações cada vez melhores. Reserve um tempo para ver o que os outros fizeram e, se eles estiverem dispostos a mostrar como fizeram, experimente você mesmo.

Isso é essencial se você deseja trabalhar profissionalmente na área. Seu portfólio será seu cartão de visita e, se você demonstrar proficiência em todos os tipos de assuntos, sequências, texturas e muito mais, será um candidato mais atraente para contratação. Se você está procurando uma forma de aprender tudo sobre o Blender, então deixe aí seu contato e vamos ajudar você a se tornar um profissional da modelagem 3D.

Se você está apenas começando no mundo da modelagem 3D, é uma boa ideia experimentar projetos de todos os tipos, não apenas aqueles que lhe vêm imediatamente à mente. Quanto maior a variedade de projetos que você conclui, mais abrangente se tornará seu portfólio.

FAQ Rápido

Quanto tempo leva para aprender o Blender?

Isso irá variar de acordo com quanto tempo você tem para dedicar ao aprendizado do software, mas, de modo geral, levará entre duas semanas e um mês antes de você provavelmente começar a se sentir confortável com o aplicativo.

O Blender é fácil de entender?

Sim e não. Há muito o que dominar no Blender, então sua primeira experiência pode parecer esmagadora. Você dominará algumas técnicas fundamentais em apenas algumas semanas e provavelmente confiará muito nelas enquanto aprende métodos mais avançados.

Quanto custa o Blender?

O próprio Blender é gratuito. É um produto de código aberto, o que significa que há toda uma comunidade usando e melhorando o software o tempo todo.

O Blender é um programa seguro?

O download do Blender é totalmente seguro – contanto que você baixe-o diretamente do site oficial do Blender. Ele não vem pré-carregado com nenhum malware, então você pode instalá-lo em seu computador com confiança. Nunca baixe o Blender de um site de terceiros.

Fale conosco nos comentários e diga oque achou dessa matéria e aproveite para ler mais notícias e matérias, como por exemplo, sobre instalar o Blender, no nosso site.

Sabe como o Unity e o Brasil estão se tornando o principal catalizador da criação de jogos no país
Quer desenvolver suas habilidades de criação de games? Então aprenda criar jogos jogando e transforme a profissão em diversão
Saiba mais sobre desenvolvimento de jogos com esse artigo de Blender para iniciantes